Tirinhas da Semana *Especial Zelda*

É verdade! Nem no Skyward Sword que achei que ia rolar alguma coisa, NÃO ROLO! Coitado do Link, só muita terapia mesmo!
Vai pensando que a vida é fácil!
Ahushaushuahsuahsu bem bolado xD
Noob! =D
Isso SEMPRE acontece comigo!

Vish...
Que dó xD


Ah isso explica o porque de nunca rolar nada!
É só eu que detesto templos da água? x_x

Verdade!
Quem já fez isso levanta a mão! \o

Nossa, eu usava uma fadinha no monstro e largava ela ali!
Link seu pixador!
Já fiz muito disso xD
shuahsuahsuahsuashuahsuah
Fail
Perdi o respeito a esse monstro quando vi seus pezinhos!
Fail!


Fail!
Esse Link danadinho!
Discuta com essa lógica!

Link 1 - Ganon 0!

Agora a porra fico séria '-'
Por que não colocaram The Legend of Link? Sendo que SÓ o Link faz algo que preste no jogo! - não intendo viu!

Filha da mãe!

Eu também já pensei em fazer isso...
Verdade...
Fuuu!
Melhor arma de todos *---*
-Q




Espero que tenham curtido esse especial que montei pra vocês!
Até a próxima!

Resenha Filme: Sucker Punch - Mundo Surreal

Falando logo sobre a história (que pouco interessa aqui). O filme se ambienta na década de 50 quando uma garota chamada Baby Doll (Emily Browining) é internada pelo seu pai ganancioso em um sanatório. Lá além de passar a enfrentar terapias dolorosas, tem a ameaça de que em 5 dias passará por uma sessão de lobotomia. Diante desse medo, ela encontra em sua imaginação o único modo de sobreviver e de se proteger, criando uma realidade em que o sanatório é um bordel, onde suas amigas Rocket (Jena Malone), Blondie (Vanessa Hudgens), Sweet Pea (Abbie Cornish) e Amber (Jamie Chung) a ajudam a bolar um plano para escapar.

Aqui a história em si é tão desimportante que é impossível de se ter algum envolvimento com qualquer personagem, afinal, é um filme de feito para nerds. Então a questão mais importante é: "com quem eu faria miséria primeiro?".

Dividido entre realidade e fantasia de forma bem distinta, e na fantasia, Primeira Guerra Mundial steampunk, Japão feudal e futuro distante, Snyder criou uma dos melhores filmes dos últimos anos - para quem entende, claro. Da poltrona ou do sofá só é possível dar gritos de "wow" para cada espetacular cena de ação, cenas que aliás acontecem quando a Baby Doll faz uma de suas danças sensuais (infelizmente Zack Snyder não nos deixa ver que dança é essa que faz os homens chorarem).

Além do visual que abusa dos efeitos especiais e cenas de ação explosivas que te fazem levantar do sofá e gritar "hell yeah", a trilha sonora é outro destaque absoluto. Algo que não me surpreende nos filmes do diretor, vide Watchmen e sua trilha que nos transporta de forma exata para o nível de drama da cena.

Talvez o único defeito aqui seja a reviravolta do roteiro no final, que apesar de vir acompanhada por um final bem forte - o que não esperava de um filme desse -, tem uma lição de moral, que passa até despercebida diante uma empolgação, mas soa desnecessária. Lições de moral são comuns em filmes, mas creio que o filme ficaria marcado de forma melhor se não tivesse isso; não precisava o filme se mostrar mais inteligente que é.

Seria Sucker Punch uma espécie de Scott Pilgrim para machos? A semelhança entre os dois é visível, não só por os dois terem sido fracassos comerciais, mas para quem os dois filmes foram feitos: nerds. Então é importante pontuar aqui que se trata de um filme nerd, um filme feito para quem entende de vídeogames e é inteirado na cultura pop. Então partindo daí é compreensível não ter agradado a crítica ranzinza, e muito menos sua amiga ou namorada.

Sucker Punch é um prato cheio masculino para quem gosta de vídeogames, mulheres e bacon, e mulheres que tem mente aberta. Agora, se você se estava assistindo, e se perguntou do porque de todas elas batalharem em vestidos tão mínimos e de as cenas de ação não terem nada a ver com a história, o filme não é para você com toda certeza.

Dose de realidade

A rotina nossa de todos os fins de semana, claro que para os que vadiam são todos os dias...


Quando tiver minha casa, ela será cheia de cortinas para não entrar essa luz maldita e ofuscante.

Curiosidades sobre a Nintendo

Fiz uma pesquisa sobre algumas curiosidades curiosas que encontrei! 
Espero que gostem ♥

  • A Nintendo foi fundada com a ideia inicial de ser uma companhia de cartas. (-q?)


  • É possível terminar o Super Mario 64 com apenas 01 estrela, através de uma série de bônus. O normal seria com no mínimo 70 estrelas. 



  • Quando era criança Miyamoto idolatrava a Disney, mas em 1990 com a criação de seu personagem Mario e sua divulgação positiva, o Mario tornou-se mais famoso que o Mickey. (Sendo assim, o discípulo superando seu mestre!)

 

  • O Megaman é azul porque o NES tem poucas cores para exibir. 



  • O Nintendinho (NES) foi denominado como “Nintendo Hard”, devido aos seus jogos extremamente difíceis, feitos com o propósito de fazer nós, jogadores, racharem as cucas pra tentar resolver os enigmas o que ajudava os jogos a ter uma durabilidade maior. (Quando eu era criança, um amigo do meu pai me apresentou ao The Legend of Zelda: A Link to the Past EM JAPONÊS... foi complicado, mas em 02 meses eu fiz o que ele levou 07 anos pra fazer! – ele nem ficou nervoso, magina). 


  • O jogo mais vendido do GameCube foi o Super Smash Bros Melee batendo a marca de 6 milhões de vendas. 



  • Juntando os games Mario, Pokemon e The Legend of Zelda a Nintendo já vendeu mais de 534 MILHÕES de jogos (originais claro! – se contar os piratas já deve ter passado de 1 bilhão xD) 

  • Os Chain Chomps no game do Mario foram inspirados em um cão acorrentado do vizinho, na infância de Miyamoto. (Sempre tive medo deles O_o). 



  • O game Nosferatu do Snes foi o game mais adiado da história da Nintendo: foi anunciado para 91/92 mas saiu apenas em 1995. 



  • O Yoshi tem dentes! (nossa vou ter que jogar Super Mario novamente só pra ver isso!) 



  • Foram vendidos mais de 49 milhões de consoles do SNES. 
 

  • O game Animal Crossing do Gamecube pode durar até 29 anos (reais!). Já penso? Você começa a jogar quando nasceu e com 20 anos de jogo (e vida), ainda tem muito mais jogo pela frente! – A pessoa vai começar a viver 29 anos depois... (que brisa!). Ah, e esse game não foi lançado fora do Japão, apenas pirateado...




  • O jogo Pikmin recebeu esse nome em homenagem ao cachorro de Miyamoto. 



  • No jogo original de arcade do Donkey Kong, Mario era chamado de carpinteiro e não encanador! (lol) 



  • O salário de Miyamoto chega a mais de US$ 1.3 milhões por mês! (Nem queria!).



É isso ai galera, espero que tenham gostado