Ativismo digital

A internet virou arma política e não tem jeito, é uma forma rápida de o povo se reunir e agir, mostrando que tem voz ativa para o Estado. Bom, na minha opinião isso ainda é uma utopia. Lembram do #ForaSarney no Twitter? Deu em nada... Mas virou moda hoje em dia protestar. tem todo tipo desde uma humorada churrasacada, até uma "marcha das vadias" sem muita noção, o point é a Avenida Paulista e já tem "arroz de protesto". 

Eu tenho uma sugestão: "Protesto contra os protestos".



Coletânea de Memes #6

Comecemos com uma piadinha futebolística...


É só estatística, não tenho culpa.


Substitua a garrafa de água por um controle remoto. Ok, aí é a realidade.


Pose FAIL


Long hair are cool.


Por isso deixo sujo até que alguém note.


Qual foi o fim da nuvenzinha?


O aviso real seria esse.

Filmes de terror em 60 segundos

E não é um resumo qualquer, são animações stop-motion. Para os leigos: "feitas em massinha".

Melhor agora? Então clique no play e curta! =D

Evil Dead



Exorcista


O Massacre da Serra Elétrica


Curtiu? Então, além de compartilhar o post por aí, acesse o canal LeeHardCastle no Você Tubo que tem mais animações bacanas lá.

A vida em gráficos #1

Nova seção! (bom, pretendo)

Não sei você mas eu racho de rir com esses gráficos, é como se fosse uma sitcom comprimida em uma imagem simples.


Acho que a proporção dos "amigo é" é muito grande.


Veja o lado bom, o plano sempre é cumprido.


Tenso!


Sem contar que quando alguém explica usando muito "tipo" contigo ou é paty, ou é boiola.

Carros famosos PIXARlizados

Carros 2 chama a atenção de muita gente, mais até do que Kung Fu Panda 2. E além de os dois filmes terem ganhado sequências esse ano e provocarem um sucesso de merchandising enorme - pandas e carros bonitinhos, quer mais o quê? -, em mim provocam igual indiferença. 

Mas deixando minha opinião cinéfila de lado, é inegável que o cuidado nos traços que cada filme de animação da Pixar tem é indiscutível; não tem como não se contagiar pela simpatia. Então nessa onda do lançamento do filme, como ficariam carros famosos do cinema com o traço da Pixar? É fácil identificar todos. Confesso que adoraria se tivessem miniaturas deles a venda!


Landspeeder (Star Wars)


Batmóvel


DeLorean (De Volta Para o Futuro)


Ecto (Caça Fantasmas)


General Lee (The Dukes Of Hazzard / Os Gatões)


Herbie

Do legalzudo e geek Jedi Press

O que é a felicidade?

O que é a felicidade?

De acordo com a constituição americana é garantido o direito à independência e à livre escolha de cada povo e de cada pessoa, quer dizer, "o direito à vida, à liberdade e à procura da felicidade" são definidos como inalienáveis e de origem divina.

Aqui no Brasil não temos esse capítulo na nossa Constituição, mas sim um "projeto". Em 2010 a Comissão de Constituição e Justiça do Senado aprovou uma Proposta de Emenda Constitucional do senador Cristóvam Buarque. Ela ficou conhecida como PEC da Felicidade e inclui na Constituição o “direito à busca da felicidade”, cabendo ao Estado garantir condições para o exercício desse direito. Segue o trecho: “São direitos sociais essenciais à busca da felicidade, a educação, a saúde, o trabalho, a moradia, o lazer, a segurança, a previdência social, a proteção à maternidade e à infância, a assistência aos desamparados, na forma desta Constituição” (e por mais que me dê vontade, não falaremos de quão cômica é essa lei para os padrões atuais brasileiros).

Na Wikipédia: "a felicidade é um estado durável de plenitude, satisfação e equilíbrio físico e psíquico, em que o sofrimento e a inquietude estão ausentes. Abrange uma gama de emoções ou sentimentos que vai desde o contentamento até a alegria intensa ou júbilo. A felicidade tem, ainda, o significado de bem-estar espiritual ou paz interior."

É até engraçado ver o significado tão complexo da felicidade resumida em poucas linhas, principalmente quando se tem tantos fatores pregados como essenciais a isso, tal qual satisfação, auto-estima, riqueza e amizade.

Ao longo da vida é comum se dar conta de que cada vez mais o significado da palavra é relacionado com ter, sendo que "felicidade" como sentimento, é puramente estar, se formos falar na concepção pura. Qualquer sentimento aliás. Aristóteles dizia que "a felicidade só pode ser alcançada pela prática do bem". Em outras palavras, a prática da virtude.

Indo ao fundo quando nos deparamos com essa pergunta, e tendo a coragem de se confrontar não se chocando com o desfecho, chega-se a conclusão de que não se é feliz - essa é a minha resposta. Pode parecer melancólico demais talvez, ou principalmente para aqueles que não conseguem perceber alguma coisa de forma séria - nem tem capacidade disso. Mas se qualquer sentimento é um estado, a sua natureza não é permanecer; logo nem é de nossa natureza verdadeira estarmos contentes todo o tempo, a vida é muito inconstante e movimentada (ou não pra alguns) para que ocorra isso. Quem afirma o contrário, está mentindo. Quem confronta a verdadeira realidade sem hipocrisia chega a essa conclusão.

Se me perguntassem hoje, como me perguntaram ontem, se me considero feliz. Eu responderia não em vista de todos esses fatores. Mas isso nada mais é do que a constante espera da vida. Temos o poder da atitude sempre, mas é comum estar em uma realidade em que não só depende das suas forças para ser modificada. É também como diz uma amiga minha: "Quem dera poder passar uma borracha na memória, colocar um sorriso na cara e dizer um "vai se foder" pro passado". 

A vida e a morte são um ponto e esse meio tempo é um grande emaranhado que por vez ou outra conseguimos decifrar. E traçando um paralelo com sentimento, o emaranhado volta a cada vez que mudamos esse estar. É o tal conta-gotas da felicidade. Em suma, os momentos.

O que é felicidade? Ter bons amigos, uma vida razoável com momentos de tristeza e alegria misturados com dificuldade e estresse? Ou ter uma vida razoavelmente "segura" permeando entre uma linha que divide os sentimentos, tal qual como se nos equilibrássemos em uma corda-bamba? Ou de um jeito "heroico" unir tudo isso? Talvez esse parágrafo tenha exposto a complexidade dessa palavra. É complexo se considerar feliz.

Tirinhas da Semana #47

Ontem foi o dia Gay. E ontem com amigos, cheguei a uma reflexão. Os crentes por detrás de um discurso moralista, nada mais se importam com a bunda dos outros.

Vamos as tirinhas. Clique para ampliar.













Tirinha antiga, dica da minha amiga Camila.




O que passa pelos meus fones #16 - Stevie Ray Vaughan


Que tal um blues rock hoje?

A história da boa música se confunde com Stephen "Stevie" Ray Vaughan. Ele nasceu em Dallas, no Texas em 1954 e foi um exímio guitarrista de Southern Rock e Blues, conhecido como um dos mais influentes músicos da história. No seu auge, em um acidente trágico na manhã do dia 27 de agosto de 1990, Stevie morre em um acidente de helicóptero. SRV seguia para uma apresentação, onde na tarde anterior se apresentara junto com Robert Cray, Buddy Guy, Eric Clapton e seu irmão mais velho Jimmie Vaughan. Quatro helicópteros estavam a disposição dos músicos, e Stevie encontrou um lugar vazio em um helicóptero com alguns membros da equipe de Clapton, e decidiu embarcar. Em conseqüencia do céu extremamente nublado e da forte névoa, o helicóptero de Stevie virou para o lado errado e foi de encontro com uma pista artificial de ski. Não houve sobreviventes, e o Rock perdera um dos seus maiores expoentes. 

O post de hoje é dedicado a uma das músicas mais gostosas de se ouvir da sua discografia, cover de outro genial Stevie, o Wonder. Aprecie com um bom copo de whisky na mão.

Demorei pra achar um vídeo com um som legal, mas achei.


.