Pensamento x Religião

Para marcar a postagem número 500 nesse blog, nada como um texto sobre um assunto tão controverso.

Seguir a razão ou o coração?

As pessoas vem perdendo cada vez mais sua complexidade em favor da sociedade que vivem, sempre escolhendo o caminho mais cômodo para acreditar na sua existência. Em vez de questionar, seguem os bois, como se tal bom modelo aplicado ao amigo próximo se aplicaria bem a ela também. Buscam sentido pra vida e ao mesmo tempo abrem mão de seu livre arbítrio. Procuram respostas no que estão diante aos seus olhos só para estarem sempre certas e inflarem seu ego perante aos outros. Pregadores disputando dinheiro aos montes deixando qualquer coisa que pregam, sem sentido no fim.

O mundo é uma competição egoísta e hipócrita em que as pessoas defendem a liberdade e a sinceridade, mas quando precisam, mentem perante a seu Deus e te mandam para o inferno se você não acredita no Deus deles, independentemente de te conhecerem a fundo para julgar com clareza se você é uma boa pessoa sendo que no fim, esse mesmo acusador que te manda para o inferno é tão hipócrita e mentiroso quanto qualquer um. Pessoas religiosas parecem que se auto diferem superiores e se ofendem por você não acreditar em algo que eles acreditam, mesmo que você tenha argumentos conscientes. Onde está o "somos todos iguais?". Eles são tão falhos quanto eu e você, somos humanos.

Mas como humanos, todos querem estar sempre certos. Estar errado e refletir sobre isso, ir atrás de uma solução é desgastante demais. É melhor ir pelo caminho fácil. escolher uma religião ou qualquer coisa pronta e defender como verdade absoluta, deixando seu livre arbítrio de lado só pra no fundo dizer "eu não erro".

Todo religoso e religião se diz liberal, porém, além de todos serem julgados como satanistas se não acreditam no seu Deus (pesquisem a história da Igreja Católica). Esse mesmo Deus que defendem, na sua história teísta puniu seu arcanjo maior, Lúcifer, justamente porque questionou decisões de seu "chefe". Talvez Deus criou nós a sua imagem e perfeição justamente porque o homem no limiar enorme de seu ego não poderia contar algo diferente.

Independentemente de algum rótulo, ateu, agnóstico, pagão... procuro ser sincero a todos e a mim mesmo, não procuro acreditar em algo que na minha razão, não consigo entender. Não quero me juntar aos hipócritas que gritam "meu Deus" quando acontece algo de ruim e não clamam por ele nos outros dias. E aos castrados de pensamento que gritam a mesma coisa esperando que Deus faça algo que elas mesmas deviam fazer. Essas que creditam tudo a Deus e o Diabo. Ao Diabo por ter enchido a cara no dia anterior e a Deus depois de ter tido um "boom" na sua cabeça ao acordar e ver pra onde sua vida tem que ir pra melhorar, se esquecendo de que ela passou dias e mais dias pensando nessa mesma solução e que desistiu depois. Oras bolas amigo, o caminho é seu!

Por buscarem tanto um sentido para uma vida que é sem sentido por natureza, essas pessoas se esquecem do que podem e só fazem o que sabem, e nisso, o mundo vai girando, cada vez mais o mundo vira a fábrica de Willy Wonka, todo ele comestível, eu e você. Todo mundo vai perdendo sua personalidade em favor da comodidade de buscar um sentido pra sua vida, uma personalidade já feita em um pacotinho, se rendendo ao medo de serem castigadas esternamente por pensarem algo contrário da sua extensão de personalidade que é a sua religião. Por causa do medo da Morte as pessoas buscam um sentido, um sentido pra elas que é tão vazia por naturezs, precisam crer que há algo além. e é Deus.

Não abro mão de minha complexidade de meu pensar em favor de algo magnânimo. A vida é essa, sem sentido mesmo e pronto. Não acho que temos um propósito maior e um destino escrito por linhas tortas a não ser a própria vida que estamos vivendo, e essa, depende de nossas atitudes, só elas, e as pessoas têm medo de encarar isso. O questionar é a base, o porque, e as pessoas têm medo de responder algo de si mesmas, principalmente do que as pessoas podem responder sobre elas mesmas.

Sei que muitos que leram tudo isso me odiaram dentro de sua razão, mas eu não posso ser julgado por buscar meu pensamento. E como pessoa pensante que sou, também sei que religião tem sua função social e é uma muleta para os necessitados, mas cá entre nós sabemos que nunca pára nisso, Tudo é questão de enfrentar o medo, nada é mais nobre que isso. Tudo aqui foi pensado e dito porque é uma questão de coragem minha puramente.

Apesar de entender que não pode se generalizar em nada, em religião eu generalizo sim, é preciso. Pois aqueles que pensam e se dizem religiosos, e que provavelmente conseguiram entender tudo o que eu disse apesar de não ter concordado comigo em muita coisa (virando hipócritas), um dia deixarão de serem assim e com certeza no mínimo permearão entre dez religiões buscando algo que o complete, se já não fazem isso. E esses que me julgaram como satanista só por não acreditar no que eles acreditam, portanto fanáticos e religiosos por natureza, tudo o que disse que detesto aqui principalmente se aplica a essas pessoas como você.

Provavelmente depois que postar esse texto, tanto quanto me odiarão, me queixarei de ter esquecido uma ou outra coisa que esqueci de falar. Mas a mensagem que quero passar com esse texto "curto" para um assunto tão complexo quanto esse, não é defendendo ateísmo nenhum, mas que simplesmente não quero que vocês concordem comigo. Eu só quero que vocês acreditem no que querem acreditar, acreditem no que verem sentido acreditar. Levem o tempo que for, mas vão atrás de suas ideias, como eu fui. Isso é o que EU ACHO, e procurem o que achar. Sigam sua natureza humana de pensar e agir por conta própria. Respeitem como eu te respeito ao defender algo completamente diferente a minha ideia. Pensando assim não sou pior que ninguém, pelo contrário, aprendi a ser alguém sem medo no que falar aos outros e assim ao mesmo tempo seguro do mesmo medo.

Quantos se dizem ser o que não sabem explicar COMO ELES aprenderam a ser?

Tirinhas de Sexta (16)

O Adriano fez um escarcéu enorme pra sair lá de Milão e voltar pro Brasil pra ser favelado, voltar para seu povo onde é feliz. Abriu mão da grana gorda que ele ganhavá lá e disse na entrevista onde ele ameaçou até parar de jogar que dinheiro não é tudo, mas depois voltou atrás na decisão e foi jogar pelo Flamengo, clube de coração. Depois de um título brasileiro conquistado pelo clube e muitas confusões do barulho esse ano, essa semana Adriano decidiu voltar para a Itália, só que para Roma, terra dos Imperadores.

É... assim até eu quero ser favelado... Dinheiro não é tudo até começar a faltar!

Vamos as Tirinhas de Sexta, na sexta. Se precisar clique para ampliar.
















A nacionalidade de Jesus


A) Três provas de que Jesus era judeu:
1 – Assumiu os negócios do pai;
2 – Viveu em casa até os 33 anos;
3 – Tinha certeza de que a mãe era virgem, e a mãe tinha certeza de que ele era Deus.

B) Três provas de que Jesus era irlandês:
1 – Nunca foi casado;
2 – Nunca teve emprego fixo;
3 – O último pedido dele foi uma bebida.

C) Três provas de que Jesus era italiano:
1 – Falava com as mãos;
2 – Tomava vinho em todas as refeições;
3 – A mulher mais importante da sua vida era a mamma.

D) Três provas de que Jesus era californiano:
1 – Nunca cortou o cabelo (hippie)
2 – Andava descalço (hippie)
3 – Inventou uma nova religião (hippie)

E) Três provas de que Jesus era francês:
1 – Nunca trocava de roupa;
2 – Não lavava os pés;
3 – Não falava inglês.

F) Três provas de que Jesus era brasileiro:
1 – Nunca tinha dinheiro;
2 – Vivia fazendo milagres;
3 – Se ferrou na mão do governo.

Não foi possível chegar a um consenso sobre a nacionalidade de Jesus. Mas todos concordaram com uma coisa: Judas, com certeza, era Argentino…

Via Copi Cola

Gatos e a sociedade


Eu não gosto de cachorros, ponto. Acho eles babões, extremamente dependentes e grandes. Grandes a ponto de pular em cima e te derrubar. Ou aqueles pequenos que dá vontade de chutar. São peludos. Peludos a ponto de ter que levar no pet-shop pra tomar banho e cortar o cabelo, coisa que talvez nem eles mesmo aguentem e os mais velhos assim como os humanos aponte e falam "no meu tempo não era assim...". Mas sei lá, acho que é raríssimo isso, pois eles gostam de tudo o que você faz pra eles e com eles, te idolatram como se você fosse Jesus Cristo e é por isso que ele é tão chamado de "melhor amigo do homem". É preciso que alguém infle o ego do homem. Não importa se ele é o maior idiota do mundo.

Quem não gosta de cachorros como eu acaba gostando de gatos, tenho um inclusive meio idoso nos seus altos 12 anos de idade. E quem gosta de gatos, não como eu diz por aí que eles sim são "o melhor amigo do homem", "que eles te amam" e etc. Mas não é verdade meu caro, você tá pensando o quê? Ele na verdade está pouco se fudendo pra você.

Ah ouço por aí "meu gato é igualzinho a mim, por que ele é independente, gosta de carinho". Não cara, todos gostam de carinho, até iguanas. E você tem que independente sempre, porque você precisa, é obrigado. Claro que falo daqueles que levam uma vida normal.

Porém esse pensamento de "meu gato é igual a mim" pode até ser levado em conta, tanto que eu mesmo já falei essa asneira bilhões de vezes. Mas se você gosta de ser comparado com seu gato, já pensou que ele não gosta de ser comparado com você? Até acho que se ele soubesse ficaria puto, e até falaria "o que esse humano idiota quer se parecer comigo?". Porque olhe só pra você. Você já não é grande coisa. É quase uma ofensa pra superioridade do gato!

Falando em superioridade, gatos realmente pensam que são superiores a você. Independente do seu tamanho. Pense comigo. Eles ficam no seu canto e só te procuram atrás de comida, de água esperando que você abra e que você fique esperando pra você ter que fechar a torneira pra ele, e de um empregado que limpa o banheiro dele. E olha que você tem que cumprir sua obrigação, e ai se isso não acontecer. Adeus tapete!
E se você pensa que eles deitam ao seu lado porque gostam de você, é mentira. Bom, até pode ser, afinal ele é obrigado pois convive contigo. Mas sim atrás de calor corpóreo, seja da sua barriga de chope ou definida.

E por tudo que estou falando você deve estar esbravejando aí. "Ah então porque você tem um gato se critica tanto?"

Respondo que é justamente por tudo que falei que gosto deles. Eles revelam a verdade da sociedade já pensou? Puro interesse e desprezo. E que por eles não estarem nem aí, não dou a mínima pra você. =)

É isso que queria falar hoje... E agora?

Passar bem!

Ronnie James Dio: a história do Deus do Heavy Metal



O domingo, dia 16 de maio, amanheceu triste para as pessoas que curtem Rock e, principalmente, para os aficionados em Heavy Metal. Faleceu naquela manhã Ronnie James DIO, ex-vocalista dos grupos ELF, RAINBOW e “Black Sabbath; ”e que também tinha uma sólida carreira solo com o grupo que carregava o seu nome, “Dio”. Apesar de estar diagnosticado com câncer desde o final do mês de novembro de 2009, a notícia da morte de DIO pegou a todos os fãs de surpresa, já que todos esperavam que ele vencesse esta batalha.

Ronald James Padavona nasceu em 1942, na cidade de Portsmouth, no estado de New Hampshire, nos EUA. Ele começou a carreira musical no final da década de 50, tocando em bandas de rockabilly, mas nenhuma chegou a obter sucesso. Em 1967 formou o THE ELETRIC ELVES, que mais tarde passou a ser chamado apenas de THE ELVES e, por último, apenas ELF. Foi com este grupo de Hard Rock que DIO começou a ganhar certa notoriedade no início da década de 70, abrindo shows para o DEEP PURPLE, o que mudou completamente a carreira do cantor.
Através destes shows, a qualidade vocal de DIO desperta a atenção de alguns integrantes do Purple. Em 74, o baixista Roger Glover o convida para cantar em seu álbum solo e, no mesmo ano, o guitarrista Ritchie Blackmore deixa o DEEP PURPLE e recruta alguns músicos do ELF, entre eles Ronnie James Dio, para formar o RITCHIE BLACKMORE'S RAINBOW, que após o lançamento do primeiro disco viria a se chamar apenas RAINBOW.

O segundo disco, "Rising" (1976), é considerado um dos maiores clássicos da música pesada e influenciou a sonoridade de grande parte dos grupos de Heavy Metal das décadas seguintes, como IRON MAIDEN e HELLOWEEN. Este disco é considerado como o auge da parceria Blackmore/Dio, tendo como destaques os grandes riffs de guitarra, o som fortemente influenciado pela música clássica, as letras medievais e o poderoso e versátil vocal de DIO.
O RAINBOW ainda lançaria mais dois grandes discos, o ao vivo "On Stage", de 77 e "Long Live Rock`n`Roll", de 78, antes de DIO sair do grupo por divergir das novas direções comerciais que Ritchie Blackmore pretendia seguir.

O ano de 1979 reservaria a Ronnie James DIO um dos maiores desafios de sua carreia, substituir Ozzy Osbourne no BLACK SABBATH. Com o Sabbath, DIO colocou de vez o seu nome entre os maiores vocalistas de Heavy Metal, tornando-se um ícone e um dos personagens mais influentes e representativos do estilo. Também foi durante este período com o Sabbath que DIO tornou popular o tradicional gesto dos roqueiros e dos headbangers, a mão em forma de chifrinhos.

Ele não apenas substituiu um vocalista adorado e respeitado como Ozzy, como também renovou e modificou a sonoridade do grupo, como afirma o guitarrista Tony Iommi, no livro "The Story of Black Sabbath: Wheels of Confusion" (1996), escrito por Steven Rose: “Não foi só a forma de cantar, mas também a atitude. Ozzy era um grande showman, mas quando o DIO veio para o BLACK SABBATH, houve uma diferença de atitude, com uma voz diferente e uma diferente abordagem musical. DIO pode cantar sobre o riff, enquanto Ozzy segue o riff, como em 'Iron Man'. Dio veio e nos proporcionou outra forma de escrever as músicas”.

Com o BLACK SABBATH, DIO gravou o clássico "Heaven and Hell", de 1980. Um álbum que chega próximo ao nível dos grandes discos gravados com Ozzy Osbourne e que é essencial em qualquer coleção. Foi um sucesso de vendas, alcançando a 9º posição na lista dos mais vendidos na Inglaterra e a 28º, nos EUA. Estas foram as melhores posições alcançadas por um disco do BLACK SABBATH desde "Sabotage", lançado em 75.
Ronnie James DIO chegou a lançar mais dois discos com o BLACK SABBATH: "Mob Rules" (1981) e "Live Evil" (1982). O primeiro foi bem recebido pelos fãs, mas foi duramente criticado pelos jornalistas da época, como pela revista Rolling Stone, que deu apenas uma estrela para o álbum. "Live Evil" é considerado o primeiro disco ao vivo lançado oficialmente pela banda e foi gravado durante a turnê do "Mob Rules".

O processo de mixagem deste disco ao vivo foi o principal motivo da saída de DIO do BLACK SABBATH. Houve várias divergências de DIO com Iommi e o baixista Geezer Butler com relação às fotos que ilustrariam o "Live Evil" e a própria mixagem do disco.

Com isso, Ronnie James DIO deixa o BLACK SABBATH em novembro de 1982, junto com o baterista Vinny Appice, para formar sua própria banda, conhecida simplesmente como DIO. O grupo lançou grandes discos, como o clássico "Holy Diver" (1983), um dos principais álbuns da história do Heavy Metal. Depois deste, lançaram mais nove discos, sendo o último, "Master of the Moon", de 2004.
DIO ainda voltaria a se reunir com os companheiros de BLACK SABBATH mais duas vezes. A primeira em 1992, quando lançaram o disco "Dehumanizer", que não chega a ser um grande álbum, mas foi o que, comercialmente, proporcionou o maior número de vendagens da banda desde 1983, quando o BLACK SABBATH lançou o disco "Born Again", com Ian Gillan, ex-vocalista do DEEP PURPLE.

No final do ano de 92, DIO entrou em divergência novamente com Tony Iommi. Este queria fazer a abertura dos shows de Ozzy Osbourne em Costa Mesa, Califórnia, o que desagradou Dio, que abandonou o grupo por achar que o BLACK SABBATH não deveria realizar shows de abertura para nenhuma banda, muito menos para o ex-vocalista.

Como curiosidade, o BLACK SABBATH realizou os dois shows, substituindo DIO por Rob Halford, vocalista do JUDAS PRIEST. Na segunda apresentação, eles contaram com a participação de Ozzy Osbourne em quatro músicas, o que se tornou a primeira reunião do grupo desde 1985, no "Live Aid", quando tocaram um pequeno set list de músicas do BLACK SABBATH.

Em 2006, a Rhino Records lança a coletânea "Black Sabbath: The Dio Years" e Ronnie James DIO, Tony Iommi, Geezer Butler e Vinny Appice se reúnem para escrever e gravar três músicas inéditas para o disco. Felizes com os resultados obtidos com as vendagens do álbum e com o sucesso do single "The Devil Cried", Iommi e DIO decidem reunir o grupo para uma turnê mundial. Como a formação clássica do BLACK SABBATH estava na ativa, realizando alguns shows no Ozzfest e sendo incluída no "Rock`n`Roll Hall of Fame", os músicos decidem chamar o novo projeto de HEAVEN AND HELL.
Com este novo nome, o grupo lançou o disco "The Devil You Know" em abril de 2009. Em maio o HEAVEN AND HELL iniciou, em Bogotá, na Colômbia, a segunda turnê mundial, intitulada de "Bible Black Tour", que passou por quatro cidades do Brasil. Infelizmente, este disco acabou sendo o último registro de estúdio de DIO e a turnê um dos últimos momentos para se ver ao vivo um dos melhores vocalistas do mundo.

Ronnie James DIO não era só um excelente e influente vocalista. Ele também era querido por todos no mundo da música. Basta visitar alguns sites especializados para ver declarações de diversos artistas, como: Ozzy Osbourne, Tony Iommi, Bill Ward, Geezer Butler, Iron Maiden, Metallica, Ian Gillan, Slash, Rob Halford, Kiss, entre tantos outros.

Visto Daqui

Vestiburradas do Brasil

Vestiburradas do Brasil

Veja algumas das maiores pérolas que já foram escritas em redações e questões dissertativas por alguns estudantes puramente burros ou tanto quanto cretinos mesmo.

- Lavoisier foi guilhotinado por ter inventado o oxigênio.

- O nervo ótico transmite idéias luminosas ao cérebro.

- O vento é uma imensa quantidade de ar.

- O terremoto é um pequeno movimento de terras não cultivadas.

- Os egípcios antigos desenvolveram a arte funerária para que os mortos pudessem viver melhor.

- Pericles foi o principal ditador da democracia grega.

- O problema fundamental do terceiro mundo é a superabundância de necessidades.

- O petróleo apareceu há muitos séculos, numa época em que os peixes se afogavam dentro d’água.

- A principal função da raiz é se enterrar.

- A igreja ultimamente vem perdendo muita clientela.

- O sol nos dá luz, calor e turistas.

- As aves têm na boca um dente chamado bico.

- A unidade de força é o Newton, que significa a força que se tem que realizar em um metro da unidade de tempo, no sentido contrário.

- Lenda é toda narração em prosa de um tema confuso.

- A harpa é uma asa que toca.

- A febre amarela foi trazida da China por Marco Polo.

- Os ruminantes se distinguem dos outros animais porque o que comem, comem por duas vezes.

- O coração é o único órgão que não deixa de funcionar 24 horas por dia.

- Quando um animal irracional não tem água para beber, só sobrevive se for empalhado.

- A insônia consiste em dormir ao contrário.

- A arquitetura gótica se notabilizou por fazer edifícios verticais.

- A diferença entre o Romantismo e o Realismo é que os românticos escrevem romances e os realistas nos mostram como está a situação do país.

- O Chile é um país muito alto e magro.

- As múmias tinham um profundo conhecimento de anatomia.

- O batismo é uma espécie de detergente do pecado original.

- Na Grécia a democracia funcionava muito bem porque os que não estavam de acordo se envenenavam.

- A prosopopéia é o começo de uma epopéia.

- Os crustáceos fora d’água respiram como podem.

- As plantas se distinguem dos animais por só respirarem a noite.

- Os hermafroditas humanos nascem unidos pelo corpo.

- As glândulas salivares só trabalham quando a gente tem vontade de cuspir.

- A fé é uma graça através da qual podemos ver o que não vemos.

- Os estuários e os deltas foram os primitivos habitantes de Mesopotamia.

- O objetivo da Sociedade Anônima é ter muitas fábricas desconhecidas.

- A Previdência Social assegura o direito à enfermidade coletiva.

- O Ateísmo é uma religião anônima.

- A respiração anaeróbia é a respiração sem ar que não deve passar de três minutos.

- O calor é a quantidade de calorias armazenadas numa unidade de tempo.

- Antes de ser criada a Justiça, todo mundo era injusto.

- Caracter sexual secundário são as modificações morfológicas sofridas por um indivíduo após manter relações sexuais

Fonte: Glaucia Fleckner

A Orkutização da internet

A Orkutização da internet
Você deve saber do que estou falando...

Orkutização da internet nada mais é do que a maldita inclusão digital permeada a quatro cantos do globo chegando a quem não tem capacidade para digerir tal. É a criatividade e a boçalidade de tais pessoas que evitamos ao andar na rua na nossa rotina de todo dia, sendo evidenciado em streaming ao mundo inteiro.

Não quero ser taxado de mau humorado e anti-social. Mas você leitor deveras esperto (eu espero), deve concordar comigo de que certas tosquices devem ser deixadas na sua mente e no máximo evidenciadas, por querer ou sem querer, a aquele amigo que sabe te suportar.

Hoje em dia nesse mundo cada vez mais globalizado e próximo, pessoas estão cada vez mais sedentas por atenção como se fossem um animalzinho de estimação da sua tia solteira. Carentes. Com a globalização podemos falar com todos, gritar para todos e contar nossa vida e nossos pensamentos, como eu estou fazendo aqui agora. Mas creio que o mínimo de bom senso é pedido.

No YouTube cada vez mais se vê protestos idiotas de fãs igualmente idiotas comparados a qualquer xiita idiota, lançando xingamentos a todos que ofenderem o seu ídolo. E ai deles que criticam e satirizam. Justin Bieber, Restart, Luan Santana e por ai a fora, tem suas famílias próprias (aliás pensava que de familia, bastava a familia Scolari de 2002) e "parentes" cada vez com mente mais diminuta e fanática como se a palavra música se aplicasse a só o que ele ouve. Quer dizer, aquelas brigas que existiam antigamente entre headbangers e punk foram transportadas para a internet e com muito chororô e arco-íris.

Se o futuro do Brasil for esse, estamos perdidos. Peço para que Deus imponha limites quando seu filho Jesus descer a Terra novamente, como não aderir a uma modinha como essa e nem ser hippie como foi, porque cá entre nós, não cola mais. Tá "old"!


Falando especialmente do Twitter, eu não gosto dele em muitos aspectos, acho inútil. Mas solto aplausos calorosos como ferramenta prática e rápida que ele é, de links e pensamentos cretinos ou profundos, tanto de pessoas comuns quanto de programas de tv. Tanto que recentemente ativei minha antiga conta abandonada a quase 1 ano e agora divulgo com sucesso os meus posts do Descafeinado lá.

Interrompendo: Aliás peço para você que abre os links e provavelmente abrirá esse aqui, comente, para saber que você existe não só em um número no meu contador de visitas, e para saber o que se passou nessa sua cabeça lendo isso aqui. Ok? Recado dado? Obrigado!

Bom, o tempo se passou, e a febre foi aumentando tanto que hoje vemos a orkutização explícita (ao meu ver) dessa ferramenta tão eficiente (como ela ainda é). O número de pessoas que sigo aumenta a cada dia e infelizmente não comemoro isso. Por que? Por causa de ferramentas que se espalham por aí prometendo aumentar seu número de followers instantâneamente. Quer dizer, hoje sei para quem estou falando e amanhã não saberei mais. Vou estar falando com alguém da Bósnia e com o fã clube de Luan Santana e não vou fazer ideia disso. Detesto números exagerados, detesto ser apenas um número e acho que eu não sou sozinho em relação a esse pensamento. Creio que tem gente nova ainda lá que pergunta: "como coloco fotos?". Porra cara, cada um no seu quadrado como diz o filósofo filipino.

Claro que menos da metade clicará em o que eu divulgar, mas o lamentável é que a outra metade deixará de clicar e ver o seu Twitter só pra falar para o maior números de pessoas possíveis, e o lamentável é que não linkarão nada de útil e nem falaram metade do nada de útil. Não sei vocês, mas com tudo isso o Twitter vem perdendo seu principal pra mim, que são pessoas que conquistam outras pessoas pelo o que falam. Hoje virou uma grande roleta. Manja o "vou xingar muito no Twitter hoje... sério"?

Sem contar outras coisas lamentáveis que vejo, mas como sei da limitação de alguns nem vou citar. Eu bato nas costas e entendo. Vai lá campeão, continue jogando corações para as menininhas, tirando fotos sem camisa pro TwitPic e participando de TwitCam's como se você fosse importante pra isso. Faz falta uma namorada em casa viu...

Sinceramente só não deleto o meu porque há ainda vida útil lá, e é uma ferramenta de eficiente de divulgação, humor e informação rápida. E quem sabe por lá terei alguém que concorde comigo em tudo o que falei.

Como disse a Georgia desesperada por não sentir o cheiro do suor dos meninos híbridos (sacou?): "É uma puta falta de sacanagem meu!"


As melhores frases do Seu Madruga

As melhores frases do Seu Madruga
Veja sua definição na Desciclopédia (OBS: queria comprar o livro "O Pensamento Vivo do Seu Madruga")


Se soubesse que tinha mandado um idiota fazer isso, tinha ido eu mesmo.

Não consigo uma boa recomendação de trabalho do meu último patrão porque ele morreu há vinte anos.

São todas assim: começam ficando com o chapéu e acabam ficando com a carteira!

Posso não ter um centavo no bolso, mas tenho um sorriso no rosto e isso vale mais que todo dinheiro do mundo.

Não há nada mais trabalhoso do que viver sem trabalhar.

A diferença entre as duas Alemanhas é simples, é que de um lado se toma vodca, e do outro cerveja.

Minha senhora, se acha que pode me comprar com alguns presentinhos, eu vou lhe dizer uma coisa… eu aceito!

Eu sabia que você era idiota, mas não a nível executivo!”

Eu sempre deixo as vagas de empregos para os mais jovens, e venho adotando essa nobre atitude desde os meus 15 anos!

O porco perde os dentes, mas não perde a barriga.

A vingança nunca é plena, mata a alma e envenena.

Não existe trabalho ruim. O ruim é ter de trabalhar.

Separados por um esporte

Em homenagem ao herói hermano da Inter de Milão na conquista da Liga dos Campeões da Europa.


Como diria o Rocky na comemoração: "graaawuowuw!" (é uma tentativa mal-sucedida de grunhido gente)

SBT e Silvio Santos. Cara de um, focinho do outro

SBT e Silvio Santos. Cara de um, focinho do outro
Post lááá do Sedentário contando a história (pelo menos um pouco dela) do apresentador e empresário mais querido entre 10 de 11 brasileiros, Silvio Santos. Trecho retirado diretamente da seção Dicionário das Marcas.


O SBT é a cara do Sílvio Santos

Existem os famosos. Existem também as pessoas célebres. No entanto, acima de todos eles estão os indivíduos unânimes. Um desses raros nasceu no Rio de Janeiro e foi batizado de Senor Abravanel. A mãe não curtia o nome, escolhido pelo pai, por isso chamava o filho de Sílvio. A família não era pobre, o dinheiro dava para as despesas básicas. Porém, o patriarca gostava de apostar nas roletas e por isso sempre estava na pindaíba. Não por falta de receita, mas por problemas de controlar os gastos.

Sílvio rapidamente notou que era preciso se virar para ter seu próprio dinheiro. Ele não encontraria dificuldades para fazer isso, uma vez que a mãe natureza lhe dera um talento nato para o convencimento e as finanças. Com apenas 14 anos foi para o centro do Rio vender algo, sem saber o que. Em determinado momento notou que um homem vendia capas para títulos de eleitor, um produto que à época muito rentável, uma vez que o governo estava renovando todos esses documentos. Sílvio seguiu o ambulante e descobriu onde ele comprava a mercadoria. Diz a lenda que naquele dia o garoto só tinha capital para comprar uma capa. Depois de vendê-la, comprou mais duas. Das duas adquiriu mais quatro e assim por diante, formando a fortuna que tem hoje com base naquela primeira venda.

Não se sabe se foi bem assim mesmo. De qualquer forma, o diferencial de Sílvio era sua maneira de comercializar. Usando um pequeno balcão repleto de bugigangas, ele vagava pelo Rio oferecendo suas mercadorias e ao mesmo tempo usando todo tipo de artifício para atrair o freguês. Até mágica ele fazia, além de oferecer brindes e usar sua voz inconfundível para chamar a atenção. Com o povo aglomerado em volta de sua barraca, um comparsa vigiava a chegada do rapa (camelôs eram proibidos) enquanto outro fingia interesse nos produtos, pedindo para levar quantos ele tivesse.

(...)

(Continue lendo o texto clicando aqui.)

Tédio, bibas e gripe

Tédio, bibas e gripe

Sem criatividade pra inventar um título pra um texto sem nexo nenhum, fui obrigado a imitar o PC Siqueira escolhendo "tópicos", pra te iludir de que isso é um título verdadeiro... Mas será assim, os meus textos se tornarão um pouco mais intimistas e corriqueiros, porque ser introspectivo e crítico o tempo enche o saco (crítico nem tanto), nem Nietzsche aguentaria ser assim o tempo todo (sim aguentaria). Então, tentarei encher a paciência de vocês com mais frequência com o que escrevo, falando sobre... o que suporto falar. Espero eu...

Bom, minha vida não está nada emocionante ultimamente, até porque mesmo você fazendo milhares de coisas ao mesmo tempo como um bom ser humano que tem formiga nas calças, a vida continua não sendo emocionante da mesma maneira.
Portanto, rotina é a palavra certa. Seje você cuidando da sua avó que tem cheiro de queijo, ou trabalhando e estudando pra comer miojo quando voltar pra casa como um bom brasileiro. Você caiu na rotina e ela é um saco! Eu caí na rotina e faz tempo!

Por isso todos temos nostalgia, lembramos da nossa época vazia de colégio aonde nada mais importava além daquela garota que senta do outro lado da sala e que não dá bola pra você, como se fosse a melhor época. Todas essas crianças que já falam que a vida é uma merda irão lembrar da própria época de merda com saudade.

Mas fazer 18 anos é legal, tenho 3 anos de experiência nessa e posso dizer...

É uma merda!

Mas falando sério, idade cada vez menos vale na sociedade de hoje. Enquanto garotas de 18 tem mente de 25, garotas de 12 tem mente de 5, e de 5 nem nasceram (e olha que estou dando três exemplos só. Façam joguinhos na sua cabeça, compare por aí). Idade vale cada vez menos porque simplesmente você faz tudo o que quiser com 12 anos e com o adicional de que você não pode ser responsabilizado. Você tem liberdade pra fazer uma merda ou duas e bem grandes (três já é datado como doente mental) sem ser chamdo de marginal e vagabundo. Qualquer um acessa o RedTube porra. Pra quê aquele aviso? Alguém lê?

Então a palavra certa pra isso é responsabilidade. Ela diz mais do que o que você veste e do que a sua tenra idade.

Porém responsabilidade é uma coisa que não se adquire com a idade e isto está provado e comprovado a cada sábado a noite que saio. Só vejo por aí adolescentes de merda passando mal e tentando "causar todas" como se isso tivesse algum sentido prático de existência. Inúteis sábados a noite. E o engraçado que mesmo os "cools" sabendo que sempre o próximo sábado a noite será a mesma merda, ainda tem vontade de repetir a dose. E com mais amigos ocasionais que eles não verão na semana seguinte. Ainda bem que há exceções...

Então talvez não é melhor ficar em casa sem esperar sair? Não... ficar conformado em não sair em um sábado a noite é uma coisa impossível de fazer, é humano, é cultural. Maldita cultura moderna!

Mas responsabilidade é uma coisa forçada quando você completa seus 18 aninhos de pura felicidade (e bullying no caso dos nerds), o que me faz pensar o que será dessa geração retardada e atrasada que é fã de Fiuk, Justin Bieber, Cine e Restart? Será que essas pessoas vão casar com pessoas do seu sexo oposto? Será que existirão homens que arrotam no futuro? Será que a única raça será de humanos híbridos? Será que ressucitarei nessa época e em um desses corpos??? OMG!

Não não, já é demais viver a vida uma vez só! Tenho medo de reencarnação pessoas, sério.

Bom... mas no fundo de toda essa fossa de merda não tenho medo do futuro sombrio. Como um bom trOO descendente de portugueses, lanço minha espada Rainbow of Steel contra essa nova raça. Já me conformei de que surgirão coisa muito piores ao longo dos anos, rendendo mais assunto, mais revolta e cada vez mais crítica especializada (como a minha e de 356762562 seres humanos sãos).

My Chemical Romance era o pior? Good Charlotte apareceu!
Nx Zero era o pior? Tokio Hotel apareceu!
Cine era o pior? Restart apareceu! Justin Bieber apareceu!

(Justino Biba é uma versão da Leite Gagá masculina para menores de 13 anos)

E para vocês verem como a moda anda em círculos, quem está por ai? Fiuk, filho de Fabio Jr.
Hori chama a banda dele né? Hori? Hopi Hari? Ele é fã daquele parque né? Misturou as duas palavras...

Em comum, o segredo é o cabelo, não é preciso ter lá talento. É só nascer com meio com cara de menina e fazer franja, pronto. =)

Portanto a moda/banda do futuro será mais gay, Tão gay que ofende os gays, tão colorido que Deus se envergonhará do arco-íris, com fãs tão retardados que exigirá estudo científico, com cabelos tão lisos que precisarão de chapinhas descartáveis (provocando falência da Soho), com franja que cobre tanto o olho que fará inveja dos emos. E aí eles se suicidarão, claro. (Ei isso é bom)

E vai por aí...

Ivete Sangalo uma das principais atrações do Rock In Rio Lisboa? É, nem precisa ser Rio, nem Rock e nem música.

Aff vou parar essa merda. Deu mau humor. Acho que foi provocado pelo meu tédio em que a coisa mais emocionante foi que peguei gripe nessa semana... (Tosse fdp). Hum... Te deixei de mau humor também, isso aqui ficou muito longo!

Vou ler um livro enquanto o meu vizinho mais velho está colecionando figurinhas da Copa. Passem bem!

A mais nova empreitada dos manos da Record e da Igreja Universal

E essa é a parte dois!


Qual será o poder dele, tacar bíblia nos outros quando não funciona essa espada surrupiada dos Jedis?

Tirinhas de Sexta (15)

Peguei uma gripe essa semana, felizmente não a gripe do porquinho, mas acho que a gripe espanhola mesmo. Sabe como é, sou "old", nostalgico!

Se precisar, clique para ampliar.












Fu (especial)