Como gelar a cerveja rapidamente


Olha que dica útilíssima para aqueles que gostam de cerveja como eu!

A carne já está na churrasqueira, tudo preparado. Mas aí, a galera cabeçuda chega com latas e mais latas de cerveja estupidamente quentes...
E agora como gelar sem ficar esperando horas?

O professor Cláudio Furukawa, do Instituto de Física da USP vai responder essa questão.

Coloque gelo no isopor e para cada saco de gelo, coloque 2 litros de água, 1/2 kg de sal, 1/2 garrafa de álcool.

E zaloom, como diria Beakman. Depois de 3 minutos a sua cerveja está gelada.

Não é mágica, é ciência!




O que acontece?
A água aumenta a superfície de contato, o sal reduz a temperatura de fusão do gelo (ele demora mais para derreter) e por uma reação química o álcool retira calor. Os físico-químicos denominam o líquido de "mistura frigorífica": GELO, ÁLCOOL, SAL E ÁGUA. A mistura frigorífica é barata e a cerveja fica no ponto de bala em 3 minutos. (Se você espera 3 minutos pra fazer um miojo, esperar três minutos pra gelar a cerveja não é nenhum sacrifício, né?)

Lembre-se de lavar a latinha ao retirá-la do isopor de forma a eliminar o gosto meio salgado que fica na tampa da lata. Para mulheres, crianças e frescos, vale lembrar que a técnica funciona também para garrafas pet de refrigerantes e latinhas em geral.

Então, bom churrasco e três vivas a ciência! xD

Da minha varanda...

Da minha varanda...

Gosto de apreciar a noite, o silêncio que ela traz, a tranquilidade que permeia nas mesmas ruas e calçadas que vejo passarem tanta gente e tantos carros todo dia daqui da sacada do meu apartamento. Como é bom poder observar a noite e poder olhar pro horizonte e conseguir pensar, ouvir seus pensamentos sem gritar pra si mesmo, imaginando "bem que a cidade poderia ser assim". Menos pessoas, menos carros, menos estresse, mais tranquilidade e mais vida normal.

Gosto de ficar na sacada e olhar o movimento lento da noite semanal. Olhar pra um lado e ver prédios como sempre, com uma luzinha ou outra acesa, ver todo o comércio fechado e um posto lá no horizonte também, porém dois mais próximos de mim abertos com frentistas entediados mas felizes e calmos (acho que os postos são 24 horas, bom, de um deles não tenho certeza, nada diz isso em alguma placa),

Sobre essa tranquilidade deles, pensando nisso, quando viro meus olhos para viaduto e ruas ao redor eu os compreendo perfeitamente, é um tédio bom. Essa tranquilidade passa a mim ao observar poucos, quase nenhum carro passar, podendo ouvir com clareza distante o atrito entre a borracha do pneu e do asfalto. São poucos mas eles sempre passam, nunca vão parar. Afinal, moro ao lado de um viaduto, moro em São Paulo, o que eu podia esperar? Silêncio absoluto? Só se for dentro de um caixão ou algo parecido, pelo menos no meu bairro. Enfim, só nesse momento da noite, em parte dela, isso acontece...

Fico a madrugar esperando esse momento talvez, poder olhar pra rua e ver nada em vez de apenas dormir como todos fazem por obrigação de suas rotinas cansativas de todos os dias. Coisa da qual no momento não tenho e assim aproveito a falta dessa rotina. Francamente estar desempregado é chato e sem dinheiro mais ainda, mas no fundo é reconfortante poder sair um pouco da rotina e com calma observar mais os detalhes.

Pensando nesses detalhes, vejo que a melhor coisa é poder sair de balada, voltar cedinho pra casa tipo 7 horas da manhã. Nada melhor do que andar na rua nesse horário, num domingo, melhor ainda se for na Avenida Paulista. Oh mundo perfeito!

Mundo perfeito que é só um momento, agora da qual os metrôs não participam mais, eles vivem cheios sempre. Isso é São Paulo!

Pare o mundo que quero descer!


Ah me sinto assim também, todo o tempo...

Hoje em dia é estranho ser normal, pensar com bom senso e ter conceitos!

Sou jovem, mas o mundo hoje está tão de ponta cabeça e mudando rapidamente que é comum me pegar pensando e reclamando que nem velho "no meu tempo não era assim", e realmente não era! É engraçado ver que nossos avós não cuspiam essa célebre frase atoa, é realmente difícil se modernizar nos tempos modernos. As ideias não acompanham tanta ignorância e inutilidade. Provavelmente você que está lendo isso deve ser um jovem como eu e deve compreender meus pensamentos.

Por exemplo, crianças no meu tempo não tinham estilo e nem pensamentos excusos, eu não tinha, creio que nem você. Mas hoje tem projetos de manos que usam NikeShox e falam mais girias de presidiário do que consigo entender, patricinhas que se preocupam com suas unhas, cabelo e celular, e emos que se apaixonam aos 8 anos de idade e se queixam de sua vida, "ninguém me deixa em paaaz". ¬¬'

No meu tempo tinha música com conteúdo aqui no Brasil, algo que passava uma mensagem que permeava pelos tempos e por sua vida até, críticas. Mas hoje não, só se faz musica para lamentar de problemas das quais são tão inúteis e passageiros. Cartinhas de amor tocando na rádio, tanta coisa dita que diz porra nenhuma...
Daí fico me perguntando, será que essas bandas se preocupam com alguma coisa por aqui, será que essa gente se preocupa com alguma coisa além do próprio umbigo, cabelo e roupa, quer dizer, o cotovelo dos outros?

No meu tempo (nem tanto assim porque era muito novo pra me importar com Collor hehe), os jovens da época saíam de casa pra protestar contra a sujeira da política e 'botaram' pra fora um presidente, eram os caras pintadas. Mas hoje, quando todos estão indignados igualmente, não passou de um #forasarney no Twitter. Aplaudo isso por que é uma manifestação, mas será que alguém de lá do Senado vai se preocupar com isso, o Sarney sabe o que é internet? Alguém lá sabe?

Oh what fuck is this? >.<



Uma frase resume tudo o que digo de se sentir deslocado desse planeta maluco...



"Pare o mundo que quero descer!"

4 lições básicas de sobrevivência no emprego


Lição número 1:

Um urubu está pousado numa árvore, fazendo nada o dia todo. Um coelho viu o urubu e perguntou:

- Posso sentar como você e ficar fazendo nada o dia todo?

O urubu respondeu:

- Claro, por que não?

Assim, o coelho sentou-se embaixo da árvore e ficou descansando. Subitamente apareceu uma raposa que saltou sobre o coelho e o comeu...

MORAL DA HISTÓRIA: Para ficar sentado sem fazer nada, você precisa estar sentado muito, muito alto.

Lição número 2:

O peru estava batendo papo com o touro.

- "Eu adoraria ser capaz de chegar ao topo daquela árvore", suspirou o peru, "mas não tenho força..."

- "Ora," replicou o touro, "por que você não come um pouco do meu esterco? Ele tem muitos nutrientes".

O peru bicou um pedaço de esterco e verificou que realmente isso lhe dava a força necessária para chegar ao primeiro galho de árvore... No dia seguinte, depois de comer mais uns bons nacos de esterco, ele chegou ao segundo galho. Finalmente depois de duas semanas, comendo esterco de boi, de búfalo, das zebras, ele estava orgulhosamente empoleirado no alto da árvore. Imediatamente foi visto por um fazendeiro que atirou nele...

MORAL DA HISTÓRIA: Qualquer bosta pode levar você ao topo, mas não manterá você lá.

Lição número 3:

Quando o corpo foi criado, todas as partes queriam ser chefe. O cérebro foi logo dizendo:

- Eu deveria ser o chefe, porque controlo todas as respostas e funções do corpo.

Os pés disseram:

- Nós deveríamos ser o chefe, porque carregamos cérebro para onde ele quiser ir.

As mãos disseram:

- Nós é que deveríamos ser o chefe, porque fazemos todo trabalho e ganhamos o dinheiro..

E assim foi com o coração, pulmões, olhos, até que chegou a vez de o cu falar. Todas as partes riram do cu por querer ser o chefe. E foi daí que ele entrou em greve, bloqueou-se e recusou-se a trabalhar..

Em pouco tempo os olhos ficaram vesgos, as mãos crisparam, os pés se retorceram, o coração e os pulmões entraram em pânico e o cérebro teve febre. No final todos, concordaram, e o cu passou a ser o chefe. Todas as outras partes, então, faziam seu trabalho, e o chefe ficava sentado e deixava a merda passar!

MORAL DA HISTÓRIA: Você não precisa de cérebro para poder ser um
chefe; qualquer cuzão pode ser.

Lição número 4:

Era uma vez um pardal cansado da vida.... Um dia, resolveu sair voando pelo mundo em busca de aventura. Voou até chegar numa região extremamente fria e foi ficando gelado até não poder mais voar e caiu na neve. Uma vaca, vendo o pobre pardal naquela situação, resolveu ajudá-lo e cagou em cima dele. Ao sentir-se aquecido e confortável, o pardal começou a cantar. Um gato ouviu o seu canto e foi até lá, retirou-o da merda e o comeu....

MORAL DA HISTÓRIA:

1) Nem sempre aquele que caga em cima de você é seu inimigo;
2) Nem sempre quem tira você da merda é seu amigo;
3) Desde que você se sinta quente e confortável, mesmo que esteja na merda, conserve seu bico fechado!!!

As 7 frases mais cretinas para ‘'mensagem automática” de msn


1. Pô!! Não viu que não tô ausente?!, Car%l#@!!! Brincadeira, deixe seu recado após o bip. Bip!

2. Cara! não sabia que você era analfabeto, sabia que você escreve tudo errado??

3. Com certeza eu tô fazendo alguma coisa mais útil do que ficar de papo furado no MSN. Por isso escreva qualquer coisa aí que depois eu vejo, e quem sabe te responda, Agora vai encher o saco de outro! Cacete!

4. Olá! Aqui é o computador do(a) *****, ele colocou “ausente”, mas eu sei onde ele foi, ele foi no WC, e pelo jeito vai demorar.

5. Nem pense em escrever de novo. PQP, não tá vendo que o status do(a) ****** tá “ausente” porra! Eu sou um computador, não uma secretária eletrônica.

6. Meu status está “ausente” justamente porque neste exato momento eu estou indo pra sua casa, por isso nem adianta escrever nada aqui. Já tô chegando!

7. Oi! eu estou “ausente” porque eu estou dando uma festa aqui em casa com meus amigos,e se você não está aqui em casa, logo você não é meu amigo… Tchau!

(Garanto que depois de uma dessas, vai ser difícil ele vir te encher de novo!)

Mundo estranho

Gato nasce com boca no pescoço, um olho na testa e rabo de rato

Moradores da Travessa Rodrigues, Bairro da Paz ficaram assustados com um gatinho que nasceu na manhã desta terça-feira, 22. O animal que nasceu com anomalias congênitas apresentava orelhas abaixo da cabeça, boca no pescoço e um único olho.

Segundo a proprietária da gata ” Yuri” de sete anos de idade, o animal deu cria a quatro filhotes, três nasceram perfeitos e um apresentando características de morcego e rabo de rato.

O nascimento do animal bizarro chamou atenção dos vizinhos que curiosos e assustados passaram a comparar a afirmar que o animal é uma mistura de rato com morcego, outros que ele parece um mini Mapinguari (figura mitológica da Amazônia) e uns mais radicais que o gato seria sinal dos fins do tempo.

O filhote morreu horas depois de nascer, mas deixou uma grande interrogação. O que aconteceu para nascer daquela forma? Seria mesmo somente uma anomalia congênita, ou sinais do tempo como crêem alguns.




MEDO!

Primeiro é o ET do Panamá, agora essa criatura estranha… O mundo deve estar acabando mesmo. Aí Gzuiz!!



Claro que isso que falei tá mais pra uma piadinha, porque sinceramente o fato de essas criaturas aparecem não significa porra nenhuma. São apenas anomalias da natureza que sempre existiram até um dia antes desse tal ET aparecer, e como ele estava em evidência agora tudo num prazo de sei lá... 1 mês, estará em evidência. 

Então não se supreendam se surgirem noticas de algum lugar isolado de algum país falando que nasceu um carneiro de três pernas, um peixe com rabo de macaco ou um morcego com penas. As pessoas tem medo do desconhecido e o medo do estranho causado por essas criaturas em pessoas extremistas, é enorme, pra eles devem ser "os cavaleiros do Apocalipse".

Veja o que aconteceu com aquele tal de chupa-cabras e o ET de Varginha, nunca nada foi provado e em vez de verem que é lenda de fazendeiro, preferiram tratar nossos ouvidos como pinicos (coisa de o Gugu só falar disso no Domingo Legal, programa que na época tinha por volta de 4 horas!). Agora as cidades onde ocorreram esses tais 'fatos' faturam em cima dessa popularidade, gente burra faz turismo pra uma cidade que mal sabia que estava no mapa antes desses 'animaizinhos' aparecerem!

É nojento? É, mas essas anomalias sempre existiram...

Quando inventarem uma nova gripe suína param de falar disso!

Mundo acabar? 2012 talvez (mais uma vez), de acordo com os Maias... ¬¬'


A guerra dos downloads





A música no século XXI tem sido algo envolto em muita discussão por causa da pirataria, especialmente dos downloads gratuitos na internet. Gravadoras e artistas, alguns cheios da grana retrucam falando que o tipo de gente que baixa música ilegalmente, está a matando, matando os artistas que buscam ganhar dinheiro para seus filhos (oh que dramático).

Primeiro que o fato de baixar ilegalmente a música de alguém não é matar a música e muito menos o artista, isso nunca vai acontecer. É ilegal esse modo, está certo, mas penso que essa forma divulga o artista usando da principal propaganda, a boca-a-boca. Afinal, nessa era da internet muitos artistas tem aparecido através dessa forma de propaganda, não só por ela mas também distribuindo sua música legalmente e gratuitamente no seu site e assim lotando seus shows e ganhando notoriedade por eles. E muitos dos artistas que criticam e metem a boca nos downloads, usufruem também disso.

Penso até que no meio de tanta banda ruim que toca na rádio, julga-se moda, emo, muita banda que busca a criatividade (e na minha opinião assim que se faz música) consegue através da internet e dos downloads, divulgar sua música sem precisar pagar algum jabá a rádio e dispensar a ajuda de uma grande gravadora, logo, em vez de a banda ser pressionada pela gravadora a tornar seu som mais acessível as massas, ela escolhe privilegiar sua música em si e seus shows, dando sempre 100% e tornando cada um único, conquistando assim um nicho de fãs muito fervorosos. O metal usa muito disso, sempre usou, desde o tempo da troca de fitas cassete.

É o fim de 'artistas de estúdio', aqueles criados por empresários só pra tocar na rádio.
É a tal liberdade do artista, aquele que agora simplismente pode cuidar do que ele faz, a sua música, onde pode fazê-la sem ser pressionado a assinar com uma grande gravadora e sim procurar a que ele quer, a que o respeita como músico. Distribui a música a quem quer e como quiser.

Nos ultimos dias, o governo britânico tenta aprovar um projeto de lei que 'apenas' corta a conexão de que baixar alguma música e qualquer arquivo de forma pirata. E aí, pergunto, como assim? Como a liberdade da internet pode ser atacada assim? Censurada até?

Bom, essa revolução que começou à 10 anos atrás não tem volta, nenhuma revolução que tivemos teve. E assim, em vez de buscarem um acordo, uma forma de comercializar a música de uma forma diferente, criar atrativos para a forma física e virtual, usam da forma mais fácil, ditatorial, ignorando a liberdade (algo que convém ao Estado).

Sou contra a proibição, mas também não sou a favor da ilegalidade. Sou a favor sim de um acordo, aonde se progrida e não se regrida, aonde possa se ver que a música pode ser o sal, algo que valia ouro em épocas passadas e que não vale absolutamente nada agora. As pessoas simplismente o usam.

20 coisas para se fazer dentro de um elevador


Lotado de preferência...


1. Faça uma Ola!

2. Desenhe um quadrado em sua volta e fale que está envolto em energias místicas

3. Jogue GameBoy no volume máximo

4. Coloque para tocar os toques do seu celular

5. Aperte todos os botões do elevador

6. Distribua panfletos

7. Aperte o botão que pára o elevador e jogue stop

8. Pare o elevador, comece a chorar e diga que precisa de um psicólogo

9. Quando uma pessoa for sair, tome a frente dela e diga "espere!", até as portas se fecharem novamente

10. No silêncio bata na cabeça e exclame: "saiam da minha cabeça, me deixem em paz!!!"

11. Leia a Bíblia em voz alta

12. Faça uma rifa

13. Venda sorvetes

14. Diga que está desconfortável e tire as calças

15. Com seu amigo da outra ponta do elevador converse alto sobre qualquer coisa bizarra

16. A cada vez que o elevador for passando de andar grite "pim!"

17. Ligue o rádio

18. Peide e bote a culpa no cara do lado

19. Com seu amigo na outra ponta, faça guerra de giz

20. Abra um jornal e faça a previsão do tempo

Porquês...






Por quê meu avô só ronca justo na hora que vou dormir? (Não importa o horário)

Por quê o tempo é tão injusto quanto curto hoje em dia?

Por quê a fila do lado sempre anda mais rápido?

Por quê justo quando estou com pressa o elevador demora mais pra chegar?

Por quê existem reality shows quando já se tem a própria vida como um?

Por quê fico gripado só quando eu fico sem fazer nada? (Será que não dá pra ser ao contrário alguma vez?)

Por quê? Como? Um simples livro pode significar tanto em uma vida...

Por quê hoje em dia cantoras cantarem é algo assombroso?

Por quê sempre controle remotos caem no chão ou somem?

Por quê tias distantes sempre dizem que você está tão magrinho...?

Por quê as pessoas perguntam se tem cartão telefônico em um sebo? (isso aconteceu comigo, e o pior é que ao lado tinha a Telefônica)

Por quê tem vezes que as pessoas olham mais pra nossa cara do que observam o que fazemos?

Por quê os apresentadores falam tanto pra dizer uma coisa só? (especialmente o Pedro Bial)

Por quê? Como? Os fones de ouvido duram tão pouco tempo...

E...

Por quê o porquê é tão difícil de responder?

>.<

Eu divido as pessoas...

Vi no Jornal do SBT de que:



"Média de altura dos brasileiros é de 1m68"





Finalmente na média... ¬¬'



Então devo ser o quarto da esquerda pra direita, no meio de todos, porque convenhamos, o chinezão grande vale por 2!

O lado boçal da alegria


Eu vejo pessoas alegres e otimistas demais e fico pensando... Elas são 'autistas' ou abobadas mesmo? Sei lá, esses tipos me passam essa impressão...

Bom, posso estar sendo mal humorado demais ou chato mesmo ao ter essa impressão na minha mente, mas pense comigo, agir de uma forma normal é ser, chato?
Porque eu ajo assim e me sinto bem comigo mesmo, vendo e aceitando de forma natural a realidade nua e crua e por consequência, pensando friamente. Eu não quero distribuir otimismo por aí a todos exageradamente, chegar a qualquer um e conversar alegremente sobre o tempo no elevador do meu prédio, cutucar o cara da frente na fila do banco ou de qualquer lugar e reclamar de algo perguntando entrelinhas se ele se identifica com isso, acho estranho alguém andar na rua com cara feliz mesmo na chuva e repetir piadas sem graça da qual riu vendo Zorra Total (qualquer uma delas é motivo pra suicídio) pra alguém no trabalho, ser isso é meio boçal! Sem contar que agir assim não atrairá mais pessoas ao contrário do que esse tipo pensa, mas na verdade ele estará sendo odiado pela metade no mínimo por agir assim, boçalmente.
E falando sobre amizade boçal, é idiota o tipo que bate nas costas e fala que o mundo é colorido e você tem toda a vida pela frente (claro que tem, e aliás desde quando você sabe que tenho toda a vida pela frente? Você tem?), como se no final do arco-íris da sua janela tem um pote de ouro que vale mais que dinheiro (oêê).

Você obreiro que é cegado pela fé fanática ou garota de cabeça de algodão doce deve estar pensando, "esse cara é um pára raios do pessimismo, ele tem o demônio no corpo". Caros filhos de Deus ou de todos eles, não defendo isso, não sou do tipo do pessimismo exagerado falando que o mundo é uma bosta e o suícidio é a única solução, são os emos e góticos de Orkut que pensam assim e se cortam com faças de rocambole. Já eu prefiro agir de uma forma, normal. Ser amigo e dar apoio batendo nas costas (e dando um abraço apertado se forem garotas hehe), mas esclarecer os erros e criticando de uma forma construtiva. E creio que a maioria das pessoas inteligentes de bom senso agem dessa mesma forma. Me fala agora que penso errado? xD

Enfim, larga parte do povo foge daqueles que não procuram mascarar a realidade atrás de óculos imaginários pois tem medo em ouvir a tal verdade ou mesmo uma opinião fria mas sincera de alguém que acha que distribuir alegria de algodão doce, é estúpido e sem noção. Cheguei a conclusão a muito tempo de que é melhor ser assim, mesmo sendo rejeitado pela maioria larga da sociedade, da qual, na real, não faço a minima questão. Pois me enojo dessa massa que me acham idiota e chato de galocha, afinal, eles não fazem diferença estando futilmente vivos sob meus olhos,

Não me peça alegria e nem risadas, pois eu não quero ser legal pra ninguém por isso, quero ser legal e lembrado pelas conversas que posso proporcionar acima de tudo, porque pra mim, alegria é uma consequência disso, da conversa. Alguém, poucos, irão se identificar com esse texto e outros sem massa cefálica irão me aplaudir e no dia seguinte lendo algo totalmente contrário a meu texto irão concordar também e eu sei disso. Gosto de ser pragmático e normal, a felicidade depende de quem estou falando, aliás, os poucos que concordaram comigo lendo isso mostram como é legal ser assim!

Top 10: maiores mentiras que você aprende na escola


E com vocês, mais uma lista que vi por aí. Meio impaciente pra procurar fotos coloquei a do Professor Raimundo mesmo, nada mais icônico não é? Bons tempos em que ver escolinha representada na tv era realmente engraçado! (Se eu fosse o Chico diria, Escolinha do Barulho: O Humor Ó...!)

Sobre a lista confesso que eu não sabia de nada disso, ela é perfeita para você que como eu defendia o fundão da classe, 'gostava da aula do recreio' (recreio, que coisa bem 7º série) e estudava só o necessário. Agora temos razão! \o/

Sem mais delongas vamos a ela:



1. A Amazônia não é o pulmão do mundo.


Essa afirmação é bastante difundida não só pelas escolas como pela mídia. A Amazônia pode até ser considerada o pulmão do mundo porque inunda o planeta de CO2, afinal qual é a função de um pulmão se não inspirar O2 e expirar CO2?

O que acontece é que a quantidade de oxigênio que a Amazônia libera na atmosfera é desprezível e não é tão grande quanto as pessoas pensam. Para você ter idéia, as algas dos oceanos, unicelulares e pluricelulares, liberam até 5 vezes mais oxigênio na atmosfera que toda a Amazônia.

Todas as plantas do planeta liberam por ano 16,5 Bilhões de toneladas de oxigênio e através da fotossíntese absorvem 2,6 Bilhões de toneladas de CO2. Do total desse oxigênio liberado por todas as plantas do planeta, a contribuição da Amazônia chega a 15%, ou seja, 2,5 Bilhões de toneladas de oxigênio e absorve também 15% desse total de CO2 da atmosfera, cerca de 0,4 Bilhão de toneladas de CO2.

Em contra partida, as algas dos oceanos do planeta liberam sozinhas 13,5 Bilhões de toneladas de O2 anualmente e absorvem a cada ano 2,2 Bilhões de toneladas de CO2 da atmosfera. Por tanto, o título de pulmão do mundo deveria ser dado para as algas dos oceanos.

2. Uma ilha não é uma porção de terra cercada de água por todos os lados.

Essa definição dá margem a um erro. Se colocarmos essa afirmação encontrada em livros de geografia e ciências, uma ilha seria mais um iceberg do que um pedaço de terra, pois, se é cercada de água por todos os lados, isso dá a entender que a parte de baixo também seria cercada de água, então a ilha estaria boiando e não presa ao chão. Há necessidade de sabermos de que tipo de ilha estamos falando, porque existem as mais diversas com formações diferentes, como as continentais, as vulcânicas, as oceânicas, os atóis e etc.

3. Pedro Álvares Cabral não descobriu o Brasil.

Apesar de tudo o que é dito nas escolas, mais de 90% dos historiadores especializados no descobrimento do Brasil concordam e atestam que quem descobriu o Brasil foi o português Duarte Pacheco , em 1498, isso claro, sem considerar a chegada de outros povos que desembarcaram no Brasil muito antes dos portugueses. No documento intitulado Esmeraldo de Situ Orbis que passou vários séculos escondido e que começou a ser estudado no século 19 afirma que o descobridor do Brasil foi Duarte Pacheco. Segundo os historiadores, Cabral teria apenas tomado posse, 2 anos depois, das terras descoberta por Pacheco.

4. A glicose não é a fonte mais comum de energia para nosso corpo.

Com exceção das hemácias e dos neurônios que produzem energia através de glicose, o resto das nossas células produzem energia utilizando ácidos graxos provenientes das nossas reservas de gordura. O uso de glicose só é a principal fonte pelo corpo quanto existe uma alta concentração na corrente sanguínea, o que ocorre logo após uma bela refeição de carboidratos. Depois de cerca de 40 minutos a taxa de glicose no sangue cai e o corpo volta a usar os ácidos graxos de reserva como fonte de energia.

5. O Sol não se põem sempre no Oeste.

Na verdade, o Sol só se põem rigorosamente no Oeste apenas duas vezes por ano, no período conhecido pelos geógrafos como Equinócio que compreende os dias de 21 de março e 23 de setembro. Nesses dias à duração da noite e do dia possuem a mesma duração. Conforme os movimentos do planeta a posição em que o Sol se põem também muda. Dependendo dos movimentos o Sol pode se pôr mais ao Norte, ou mais ao Sul.

6. Jihad não significa guerra santa.

Na verdade Jihad é traduzido como “qualquer esforço pessoal“. O alcorão, livro sagrado dos mulçumanos, não prega a guerra para converter não-mulçumanos e na verdade, até estimula a tolerância religiosa. Na maioria dos livros de história passam uma imagem preconceituosa da cultura islâmica.

7. O átomo não é só formado por Prótons, Elétrons e Nêutrons.

A grande maioria dos livros de Química ensina que os átomos são formados por prótons, elétrons e nêutrons. Só que, essa descrição atômica foi elaborada no começo do século 20, hoje, a ciência atual já provou e já reconhece que a constituição da matéria, ou seja, dos átomos, vai muito mais além. Já se sabe que existem os glúons (que unem os quarks que formam os prótons), 6 tipos de léptons diferentes (entre eles o elétron), e os nêutrons formados por 3 unidades de quarks ( assim como os prótons).

8. A água doce não é doce.

A lógica é a seguinte, se a água dos rios e lagos fosse doce mesmo como dizem, bastaria evaporar a água de um rio numa panela ao fogo ou sob o Sol que obteríamos um punhado de açúcar, assim como acontece com o mar. Para se obter sal, basta pegar um pouco de água do mar e evaporar. A água “doce” na verdade, é salgada, pois contém sais dissolvidos (apesar de ser numa concentração quase próxima a zero), só que muito menos que a água dos oceanos. Na verdade a água doce nada mais é do que uma água com 0,6 parte de sais para cada 1 trilhão de partes de água.

9. Nos anos 60, os grupos armados não lutavam pela democracia.

Nos anos 60, existiam vários grupos armados que lutavam na época da ditadura. Nessa época qualquer adversário ou pessoas que eram contra o governo eram presas, torturadas, muitas vezes mortas pelo governo autoritário. As pessoas não podiam se expressar e dar suas opiniões. Na verdade, o que essas brigas queriam era colocar no poder o povo, invés da burguesia. Na verdade buscam um estado de governo que se encaixasse entre o capitalismo e o socialismo, sem colocar no meio disso a democracia.

10. A água tem cheiro e gosto.

A água potável que tomamos, na verdade, é uma mistura de sais. Dependendo da concentração de determinados sais o gosto e o cheiro da água pode mudar. Até mesmo uma gota de chuva tem gosto e cheiro, porque contém vários sais dissolvidos da atmosfera. Na natureza, pode existir fontes com sais de cloreto de cálcio, o que deixa a água com um sabor levemente amargo. Existem até pessoas especializadas em provar água para distinguir o gosto e o cheiro de determinadas fontes aqüíferas.


Vi no: http://www.insoonia.com/

E você pensava que o silêncio não é a melhor resposta...

E você pensava que o silêncio não é a melhor resposta...

Depois de escrever uns posts meio cabeça (tentei), voltamos ao nicho do humor. Nenhum texto humorístico a vista, mas como imagens valem mais que mil palavras (ou no caso desse vídeo é ao contrário?).

Bom, quanta bosta você consegue expressar? Muita, pouca? Suficiente para levar um soco ou ser ignorado e ridicularizado pelo resto da vida por todos de bom senso? Na aula de hoje alunos, veremos os mestres em ação (nem emos conseguem ser tão... vazios). Nesse singelo vídeo veremos quanta bosta consegue ser expelida em nossos ouvidos em... 2m41s!

Divirtam-se xD




Foi o recorde!

E ah, pra informar, a banda deu um tempo... (Outro recorde tendo apenas... 15 minutos de carreira produtiva esmolada pela MTV)

Então louvemos irmãos \o/

A arte de ser diferente




O pior de tudo é ser diferente e morrer desacreditado por isso, pois parece que nesse mundo, não parece ser de bom senso tentar ser autêntico em tudo. Ser julgado por alguma coisa é regra, e saber algo mais que outra pessoa é falta de humildade.

Não sei em que mundo vivo, mas para mim o significado dessa palavra 'humildade' serve pra quem se sente superior, popularmente se sente a ultima bolacha do pacote, esnobando opiniões e atitudes alheias, e não por saber algo mais do que outra pessoa. Tentar de bom grado passar conhecimento a frente não é superioridade, pelo contrário, se esnobasse tudo o que ouvisse sim.

Parece que seriedade nas coisas que pensamos, hoje em dia é, chato... Aconselhar sempre é chato, afinal para a maioria dos coloridos de pensamento, isso é puxão de orelha de pai e mãe, quando não é, antigamente era conhecido também como conselho de amigo.

Felizmente alguns poucos, como eu, reconhecem isso ao contrário dos muitos, veêm críticas com bons olhos e as pessoas com maior sapiência como uma boa oportunidade de crescimento.

Vários passam, uns marcando de forma positiva, outros nem marcando, outros apenas vão e você nem se dá conta, e outros de forma surpeendentemente negativa, pois em relação a esses não esperávamos tais coisas como, julgamento, aqueles da qual esperávamos que estivesse sempre ali pra compreender como esperamos. Porém um dia "voilá", de repente, ela se torna 'colorida'. Não mais apenas conversa contigo, mas repito, te julga porque não somos da maneira que ela quer ou ela deseja ser.

Fico pensando naquela frase "sou o que sou e ninguém vai me mudar!"

Tá parabéns a aqueles que pensam assim e estão na comunidade do Orkut desse título, confesso que penso da mesma forma. Mas também mandar pessoas amigas e queridas, entrelinhas "se fuderem" dizendo "sou assim mesmo goste ou não, e aliás não estou num bom dia" não parece, quer dizer, não é racional, pelo menos parte da frase não, não parece pessoa com um conceito e sim com egoísmo mascarado por isso.

A verdade machuca e há dois tipos de pessoas, aquelas que ficam ao lado daqueles que são sinceros e que criticam pro seu bem (minha escolha), e aqueles que ficam ao lado de quem nos fala sempre o que queremos ouvir... essas são as mais difíceis de decifrar, afinal, não sabem bem o que são, não tem ninguém ali pra apontar os erros e nos ajudar quando quebramos a cara.

Bom, sei e tento saber das pessoas, mas nunca vou conhecê-las no fim...

Ver tudo isso é perceber que os poucos e bons amigos são dezenas de vezes mais valiosos que os trezentos colegas que passam pela nossa vida.

O colorido e o cinza



Estava conversando com uma amiga sobre isso...

Os tais coloridos são uma forma bem natural na sociedade, afinal são sociais. Mas a larga maioria tenta ser assim só para ser popular e querida, e nisso acabam se perdendo em si mesmos. Tanta gente diferente pra 'cuidar' que pouco a pouco se tornam descartáveis como todos eles são, os tantos que são nenhum...
São tantas cores que nem sabem o que são e mostrar quem são, e para mim, "o me sinto só" tão comum é reflexo disso, nesse mundo colorido se vê que ter muitos amigos na verdade é ter nenhum,

Enquanto que os cinzas são aqueles que se contentam com o pouco e bom, logo, sabem o que são e podem ser. Sem querer se tornam populares e invejados pois o diferente acaba atraindo, Na maioria pessoas não tão cinzas como eu, mas vejo que se não adicionar uma cor primária a mim mesmo, não me fará bem.

Me sinto só? Pra ser sincero não!
Os poucos, velhos e bons amigos que tenho, tem um preço inestimável pra mim, e por isso e sou feliz em ser dessa forma, cinza! xD

- Eu estou morto e ninguém me deixa em paz?

- Eu estou morto e ninguém me deixa em paz?

O título desse post representa o que Kurt Cobain estaria ou está dizendo sobre o 'vexame' que fizeram da imagem dele o Guitar Hero 5. 

Tudo bem, ele ser um personagem jogável é uma ideia até que 'legal', mas não tão legal assim no fim. O tal vexame que citei é ele com a mão direita, 'tocar' não só suas músicas, mas Blink 182, Bon Jovi, Megadeth e tantas outras bandas, pois ele é um personagem jogável. O que é extremamente errado! Se for assim, então que faça um Guitar Hero Nirvana, com uma banda que representa bem menos no rock como o Aerosmith conseguiram fazer, então por que não com o Nirvana?

Justo ele, um símbolo do anti-corporativismo (que deixa as pessoas cada vez mais vazias dos sentimentos que realmente importam na boa convivência e na harmonia em troca do dinheiro) e não da rebeldia adolescente, que é taxada pela maioria com desconhecimento de causa.

Até coloco um trecho do que Pablo Miyazawa, respeitado jornalista gamer do Brasil, postou em seu blog Gamer.Br (http://colunistas.ig.com.br/gamerbr/)

"No fim das contas, não é o Kurt icônico das camisetas do Nirvana, o Kurt deprimido das capas de revista ou o Kurt performático dos videoclipes que ficarão para a posteridade. É a imagem deste Kurt Cobain bizarramente atípico, estranhamente versátil e porcamente desenhado de Guitar Hero 5 que terá validade e crédito para as gerações vindouras. E o tempo irá confirmar esse fato.

Kurt, seja lá onde estiver agora, talvez merecesse um destino um pouco melhor."

E concordo plenamente!

Kurt Cobain, está agora se revirando em seu túmulo, em toda vez que colocam esse game no vídeo-game pra rodar >.<



Braaaaaaaasil, sil, sil, sil

Braaaaaaaasil, sil, sil, sil

Tinha que escrever sobre essa data, o tão glorioso dia da independência. E bem atrasado estou, pois hoje é dia 10, mas por umas batalhas de Thor contra meu computador culminando numa formatação, sem contar que estava a busca de inspiração, essa 'comemoração' minha vai ser postada aqui agora.

Dia 7 de Setembro, data que a maioria (inclusive eu confesso), acaba sendo importante só por ser feriado e não por o Brasil ter se tornado independente nela (aliás só fui lembrar disso a noite). Data onde Dom Pedro II acordou, não escovou os dentes (alguém se preocupava com isso na época?), comeu e saiu de casa, pegou seu cavalo, sua espada e a levantou gritando a beira do rio que era "independência ou morte", e os medrosos dos portugueses (loucos pra ir embora daqui) que devem ter dito esnobando nossa terra (afinal já haviam roubado quase tudo que tinha) escolhendo voltar pra casa em vida, "se quer tanto, fica com ele então". E desde então shazam, nosso país era nosso!

O nosso Brasil tão querido, país límpido e baronil de céu estrelado de Sarney, Lula, Maluf e Collor; país do Bolsa Família e seus ignorantes que não querem trabalhar pra continuar mamando na teta do governo e ele os manipulando; da caipirinha, do carnaval, do futebol e da alegria (por acaso algum turista cita outra coisa?); país da corrupção, das favelas e da piada pronta (de todos); do Créu, Lacraia e Tati Quebra-Barraco, do imortal Latino, Xuxa e Calypso; de 'gênios' como Gugu, Faustão, Ratinho, Márcia, Datena, Galvão Bueno, Pedro Bial e suas poesias da qual não tem utilidade, BBB, Fazenda, No Limite; e de merdas como todas essas jogadas todo dia nas nossas cabeças de privada...

(...)

Putz... é melhor parar por aqui, já estou ficando deprimido!

u.u

Quando a música é música

Quando a música é música

Cover da música Poker Face da Lady Caca ou Gaga no Download Festival na Inglaterra, a introdução pelo menos... E não é que ficou bom!




Faith No More - Poker Face / Chinese Arithmetic




É impressionante como o Mike Patton canta cada vez melhor!


O Faith No More voltou e vai passar por aqui, vai ser foda \o/


Os colonos da internet



Quando fazemos um blog ficamos muito felizes com os comentários que recebemos em nossos posts, é regra e sempre será assim, afinal significa que o que você escreve tem sido bom e formador de opinião e crítica, que várias pessoas estão gostando do blog e assim se acostumando a ler sempre esperando algo legal de você e isso é o que mais anima pra quem é blogueiro, e principalmente iniciante como eu!

E como tudo na internet é livre, o governo criou blogs, do presidente e até do Sarney chamado 'Fica Sarney' (que poético não é mesmo...) em que quinze pessoas foram contratadas (acho que uma pra criar o blog e catorze pra comentar ali). E fizeram todo esse esforço de Zeus para abrir canal com seu povo (isso realmente é poético).

Bom, diria que nesse caso essa liberdade da internet não é muito bem vinda porque merdas nós já vemos na TV, doem no bolso ao pagar nossas contas e ao comprar nossas calças, o pé e ao nariz ao andar na rua, e até ao respirar nosso ar (a merda fede de longe!).

Mas voltando ao assunto...
O governo, contra a essa tal liberdade utópica que reina aqui, 'moda', democracia e o pensamento de todos, sem contar que tudo que eles falam é pegadinha. Não deixam ninguém comentar ali! (porque será?)

Ahhh que pena isso, só porque eles tem medo de xingamentos como cabeças de penico, feios, bobos e chatos... ¬¬'

E só pra citar, nunca o Senado ficou tão pop não é mesmo?!
Se não aguento tanta coisa, eu não aguento mais também ouvir falar do Sarney, que é a mais nova 'gripe suína' parece. Tipo uma nova mutação, aquela que afeta seu bolso fazendo sumir dinheiro...

50 coisas para se fazer numa fila de banco



Na minha opinião vale a pena fazer todos, mas os melhores são o 8, 22, 36 e 46. Se estivesse doidão faria o 1. xD




1. Teste o extintor de incêndio da agência.
2. Leve um aparelho de som 3X1 e coloque música gospel nas caixas.
3. Barbeie-se / depile-se.
4. Imite o ruído de fogos de artifício quando o caixa atender alguém.
5. Conte uma piada sem graça e ria sozinho.
6. Insinue que a grávida que está na fila do Caixa Preferencial usa barriga postiça.
7. Compre um saco de pururucas e mastigue.
8. Venda rifa.
9. Leia em voz alta os folhetos de propaganda do banco.
10. Use um dos balcões para fazer abdominais, repetindo: “um, dois!”
11. Toda vez que o painel de senha mostrar um número, repita-o em voz alta.
12. Peça dinheiro emprestado ao vizinho.
13. Mantenha-se de costas para a pessoa à sua frente.
14. Peça para guardarem seu lugar e, ao voltar, passe na frente de quem guardou.
15. Toque o jingle do banco com a boca, imitando um trombone.
16. Sempre que o caixa validar um documento, imite o ruído de uma máquina registradora.
17. Leve um apito e toque-o sempre que a fila andar.
18. Informe as horas, minuto a minuto, seguido do slogan do banco.
19. Quando alguém não conseguir fazer uma operação no caixa eletrônico, murmure: “OSTRA”.
20. Duble, em voz alta, o caixa dizendo a um cliente que o saldo dele está negativo.
21. Quando a fila andar, finja que está cochilando.
22. Faça “din-don” sempre que uma pessoa entrar na fila.
23. Encoste o dedão à esquerda das costas da pessoa à sua frente. Quando ela se voltar, vire bruscamente a cabeça para a direita.
24. Brinque de puxa-cueca com o colega da frente.
25. Cante uma da Jovem Guarda e diga:
“ TODO MUNDO COMIGO, SHA-LÁ-LÁ-LÀ!”
26. Passe um abaixo-assinado contra a política de juros altos.
27. Minta que há um caixa disponível, e sem fila, no andar de cima.
28. Espalhe que a senhora gorda, lá do fundo, tem uma arma na bolsa.
29. Pergunte se alguém quer ser sua testemunha num processo contra o banco.
30. Coma uma fatia de melancia e saia da fila toda hora para cuspir os caroços.
31. Veja com o segurança se ele deixa você dar uma olhadinha no revólver dele.
32. Pergunte ao caixa por que eles cospem no dinheiro quando vão contá-lo.
33. Conte histórias de assalto a banco.
34. Pergunte a um atendente aonde fica o caixa-forte.
35. Acenda um cigarro de palha.
36. Promova uma “ola”.
37. Monte um aviãozinho de papel e jogue na mesa do gerente.
38. Se um carro forte chegar, cantarole o tema de “Os Intocáveis”.
39. Ensine um colega de fila a fazer massagem cardíaca.
40. Pergunte se alguém quer ser seu fiador.
41. Escreva numa folha de papel: “IDIOTA NÚMERO 107” e fique segurando.
42. A cada cliente atendido, puxe uma salva de palmas para o caixa.
43. Ria descontroladamente das pessoas que ficam presas na porta giratória.
44. Lembre aos outros o que poderiam estar fazendo se não estivessem ali.
45. “Por que bancos gastam tanto com propaganda e nada com caixas?”
46. Leve uma marmita e almoce.
47. Na hora que um dos caixas sair para almoçar, berre: “PEGA!”
48. Coma uma goiaba.
49. Ofereça-se para segurar a pilha de documentos de um boy e derrube-a no chão.
50. Quando chegar sua vez de ser atendido, puxe um longo discurso do bolso e leia.

Guias Práticos

Guias Práticos

Faz um tempo que vi isso, não lembro em que blog foi, mas achei muito engraçado xD



1- GUIA PRÁTICO DA CIÊNCIA MODERNA:


* 1. Se mexer, pertence à Biologia.
* 2. Se feder, pertence à Química.
* 3. Se não funciona, pertence à Física.
* 4. Se ninguém entende, é Matemática.
* 5. Se não faz sentido, é Economia ou Psicologia.
* 6. Se mexer, feder, não funcionar, ninguém entender e não fizer sentido, é INFORMÁTICA.

2- LEI DA PROCURA INDIRETA:

* 1. O modo mais rápido de se encontrar uma coisa é procurar outra.
* 2. Você sempre encontra aquilo que não está procurando.

3- LEI DA TELEFONIA:

* 1. Quando te ligam: se você tem caneta, não tem papel. Se tiver papel, não tem caneta. Se tiver ambos, ninguém liga.
* 2. Quando você liga para números errados de telefone, eles nunca estão ocupados.
* Parágrafo único: Todo corpo mergulhado numa banheira ou debaixo do chuveiro faz tocar o telefone.

4- LEI DAS UNIDADES DE MEDIDA:

* Se estiver escrito ‘Tamanho Único’, é porque não serve em ninguém, muito menos em você…

5- LEI DA GRAVIDADE:

* Se você consegue manter a cabeça enquanto à sua volta todos estão perdendo, provavelmente você não está entendendo a gravidade da situação.

6- LEI DOS CURSOS, PROVAS E AFINS:

* 80% da prova final será baseada na única aula a que você não compareceu, baseada no único livro que você não leu.

7- LEI DA QUEDA LIVRE:

* 1. Qualquer esforço para se agarrar um objeto em queda, provoca mais destruição do que se o deixássemos cair naturalmente.
* 2. A probabilidade de o pão cair com o lado da manteiga virado para baixo é proporcional ao valor do carpete.

8- LEI DAS FILAS E DOS ENGARRAFAMENTOS:

* A fila do lado sempre anda mais rápido.
* Parágrafo único: Não adianta mudar de fila. A outra é sempre mais rápida.

9- LEI DA RELATIVIDADE DOCUMENTADA:

* Nada é tão fácil quanto parece, nem tão difícil quanto a explicação do manual.

10- LEI DO ESPARADRAPO:

* Existem dois tipos de esparadrapo: o que não gruda e o que não sai.

11- LEI DA VIDA:

* 1. Uma pessoa saudável é aquela que não foi suficientemente examinada.
* 2. Tudo que é bom na vida é ilegal, imoral, engorda ou engravida.

O preto colorido




Ver Fresco, ops Fresno, indicado como melhor banda em premiações por aí de qualquer tipo, como Prêmio Multishow (da qual ganharam) e para o VMB (VMBosta). E ver Banda Cine (agora é axé pra ter a palavra 'banda' junto com o nome?) como revelação (do quê?), e Nx Zero como, enfim, indicado pra qualquer porra dessas, me indigna muito.

Como é que pode gente que tem como obrigação premiar a premiar a criatividade, originalidade, atitude diria e inteligência de tal letra e banda, premiar bandas que prezam em fazer letras descartáveis, falando sobre o mesmo e sem se preocupar com nada além de seu próprio nariz, satisfazendo a maioria dos narizes entupidos e emos chorões.

Fãs de Led Zeppelin e Beatles? Aonde?

Entendo bandas que cansados do ostracismo se rendem a moda pra fazer dinheiro, coisa de pagar as contas e viver melhor, comer melhor (se é que você me entende). Mas no caso dessas bandinhas de hoje, o que eles têm pra pagar? Só se for a chapinha no cabelo e calças apertadinhas da M. Officer. Bom, eles com a fama repentina e com prazo de validade conseguem os holofotes e as fãs estéricas, e aí pelo menos conseguem comer o cu das tais menininhas estéricas... Será?
Eu não sei como o tal Lucas do Fresno não ganhou ainda premiação de melhor cantora cantando tão fininho desse jeito, se ele colocasse uma peruca na cabeça e trocasse o sexo não precisaria com certeza mudar o estilo da voz, sem contar que não é normal alguém que se inspirou no Peter Pan pra se vestir! (chamem o Michael)

Fico pensando. Será que precisa de uma nova ditadura para ter artistas que com suas letras protestam e passam mensagens, mensagens que fazem pensar e refletir sobre a sociedade com críticas inteligentes ao nosso país e ao mundo, tendo atitude e escrevendo algo que sobrevive ao longo dos tempos com seu arranjo e vocal característico, vou citar Legião Urbana. E falando nele cadê os poetas? Cadê as pessoas inteligentes e articuladas, que sabem o que falam além de fazerem piadinhas sem graça aos holofotes e querer pra qualquer fotógrafo? Sumiram...

Tudo bem que haverá só um Renato Russo. Mas parece que hoje 'os poetas' são simplismente passado enterrado não só pelas rádios, afinal elas tocam o que o povo quer. E o que o povinho quer? Bandas e letras superficiais, que se preocupam mais com seu cabelo e seu estilo e que cantam sobre dor de cotovelo,.Geração de Orkut e Malhação que pensa que é cabeça e que é mais fácil se acomodar queixando-se do seu ex namorado(a) em vez de ler alguma coisa que a faça refletir e filosofar sobre algo, escutar bandas que tenham letras de músicas que a façam debater sobre ela, interpretar em cima. Pensar pra entender!

Música forma uma geração, os pensamentos dela, revolução diria.
E a maioria de hoje em dia, como estava conversando com uma amiga, se contenta em ser o colorido, ver alguém descolado da moda e se moldar a isso pra aparecer, sem se preocupar com o que é realmente. Gente colorida que no meio de tantas cores se perde e daí não sabe nem o que é, e o que quer ser ao longo da vida. Vida que passará e pra alguns acabará apagando toda essa moda fútil. Gente que gosta de tal música que só procura os holofotes pra aparecer e rir de qualquer coisa que o repórter fala como qualquer BBB de merda. (veja o CQC)

Alguém em sã consciência se lembrará da época de hoje, tanto moda quanto música? Eu que detesto certamente não irei lembrar, o resto também não irá. Por quê? Porque não sabem como são e o que querem, não tem outra forma de pensar vindo das letras que esse povo escuta e como disse, música forma opinião.

Imagine vendo emos velhos ridículos daqui a uns 40 anos, seria no mínimo uma visão do arco-íris do inferno!

PS: Cultura inútil: Fresno é uma cidade dos Estados Unidos sabiam? Nem eu... Que mal gosto pra batizar a cidade!

Com meus botões... (4)


Vampiros não existem claro, diria infelizmente, porque aqui pensando, até seria mais divertido ter uma raça além da nossa... E mesmo na moda, bem que queria me tornar um, afinal a minha vida de reles mortal pelo menos por enquanto, não está valendo de nada!



(Voltar para casa suportando um calor de poluição infernal de São Paulo, e ai abrir a geladeira para pegar um H2O se deparando com uma tampa com defeito de fabricação que não abre, é deveras frustrante!!)

Piores cantadas do mundo...

Piores cantadas do mundo...

Lá vou eu deixando mais uma listinha cretina pra vocês...




1 - Pronto! Já estou aqui! Quais são seus outros 2 desejos?

2 - Você gosta de chocolate? - Sim! Pode me chamar de seu garoto!

3 - Aproxime-se da mulher e tente dar uma moeda de qualquer valor. Quando ela perguntar o que é aquilo ou fazer uma cara estranha, diga: - Sou um conquistador barato!

4 - Oi Linda! Você tem uma colher aí? - Não, porque? - Porque eu tô dando sopa!

5 - Doeu?" / "Doeu o quê?" / "Quando você caiu do céu. Você só pode ser um anjo!

6 - Um dia quero virar astronauta" / "Por quê?" / "Pra poder viajar no céu da tua boca.

7 - Seu pai é ladrão?" / "Não, por quê?" / "Porque ele roubou o brilho das estrelas e colocou no seu olhar

8 - Será que eu posso saber o que esse bombom tá fazendo fora da caixa?

9 - Você tem um mapa?" / "Não, por quê?" / "Porque me perdi no brilho dos seus olhos.

10 - Como você quer que eu a acorde amanhã? Telefone ou cutuque?

11 - Faça uma pose de príncipe declamando um poema e mande: "Pulei na água até o umbigo, quer ficar comigo?"

12 - "Em cima da colina passa boi passa boiada, só saio da sua frente quando for minha namorada."

13 - "Não sou o Itaú, mas fui feito para você"

14 - Seu sorriso parece com o da monalisa. Combina direitinho com o meu picasso.

15 - "Seu pai é mecânico?" / "Não, por quê?" / "Porque você é uma graxinha."

16 - Você tem a barriga recheada com creme? Não, porque? Porque você é um sonho.

17 - Seu pai é médico? Não, por quê? Mas que saúde, hein?

18 - Tô igual melancia quente. Louco pra te fazer mal.


Só pra deixar claro, não uso nenhuma dessas cantadas. Mas é bom pra fazer sua acompanhante rir, ou não! xD




Vi no: http://www.preguiza.net/